terça-feira, 9 de junho de 2009

A guerra santa na blogosfera cristã


Desde que senteciei-me a empregar momentos do dia com este blog, expressando e reverberando, bati inúmeras vezes na altercação da verdade, que porfia a coroa apologética entre os blogueiros cristãos, os quais desavêm em algumas faixas por mim percebidas. Uns de igrejas ditas históricas, com tintura intelectual geralmente; Uns de igrejas ditas pentecostais, possuidores de grande teor emocional e coloração espiritual; Uns de igrejas neopentecostais ou de outros chamativos, que se contemporizam nas formas e linguagens.
Penso que as questões diversas, têm principalmente, a Bíblia como eixo de rotação.
Nisto, reputo que a Bíblia é um livro sagrado. De sagrados textos, inspirações e revelações. De santos (separados) homens escritores. Creio que Deus fala-nos através dela e contra passo não crendo que ela seja A Palava de Deus. Creio na inerrância bíblica e por isso, creio que Jesus Cristo é A Palavra de Deus. Não existe teologia no mundo que faça Deus caber na Bíblia. Se Deus não for maior, a própria é desapreciada à um grande complexo de estórias, e não de histórias.
É certo que muitos se aproveitam disto para “ver” e “ouvir” Deus e anjos(e suas nomeclaturas e ou entendimentos) em lugares diversos e de formas mais diversas ainda. Por isso talvez, Martinho Lutero tenha dito o que disse a respeito de tais experiências. E é pouco depois de Lutero, que viemos perdendo o exercício do discernimento espiritual. É mais seguro, usarmos a Bíblia como âncora e molde. Sim, é seguro, mas também, revela nossa imaturidade e insegurança. Expõe nossa cegueira e temor diante dos detractores que usurpam e manipulam as Sagradas Escrituras e o povo. E isto, nos leva aos embates teológicos.
Não me atrevo a questionar a relevância da blogagem cristã, seria pré-potente, e desonesto, visto que não conheço-a em sua totalidade. O que menciono aqui, é uma generalização cruel e injusta (toda generalização assim se torna), do reflexo da maioria dos (poucos) blogs que leio.

Graças a Deus pelas exceções!

Apesar de discorrer superficialmente, pensei ser interessante reverberar aqui estes pensamentos, mesmo me arriscando a incorrer no mesmo erro.

6 comentários:

Rodrigo Melo disse...

Olá!!

Li seu post e achei muito bom.... concordo contigo sobre o que fala a respeito da blogosfera cristã...

Quando você diz que '... É mais seguro, usarmos a Bíblia como âncora e molde...' percebo o quanto nos tornamos reféns desse mal uso da Bíblia e das tentaivas de justificação dos nossos enganosos corações!

Fico pensando... os donos de blogs na blogosfera cristã se utilizam das mesmas linguagens e formas expressas neles, no seu dia-a-dia??

Acredito que não... apesar de pensar que não deveria ser assim!!

A Paz!!

Antonio Mano disse...

É isso mesmo Rodrigo... Temos base bíblica pra tudo!

Quanto ao que você colocou sobre a hipocrisia ou até uma espécie de "farisaísmo", depreciando assim a expressão, eu percebo também. Mas não me coube aqui falar. (acredito que nunca me caberá, posto que é algo tão pessoal, apesar de percebível).

Também concordo que não deveria ser assim.

PAZ

Lika disse...

É, meu lindo sempre buscando um ponto de equilíbrio.. sempre tentando fazer as pessoas se enxergarem e se entenderem... AMO MUITO TUDO ISSO!

Danilo Fernandes disse...

Ola!

Navegando daqui para ali, achei seu blog. Vou segui-lo. Estou divulgando o meu blog, o Genizah. Quando tiver um tempinho, faça uma visita!

A Paz do Senhor!

Danilo

http://genizah-virtual.blogspot.com/

Danilo Fernandes disse...

Ola!

Navegando daqui para ali, achei seu blog. Vou segui-lo. Estou divulgando o meu blog, o Genizah. Quando tiver um tempinho, faça uma visita!

A Paz do Senhor!

Danilo

http://genizah-virtual.blogspot.com/

Mano e Lívia - Os DelaSilva disse...

Valew Danilo.
Bem vindo.