sábado, 29 de agosto de 2009

Regis Danese no programa Hoje em dia da Record



Já vi algumas pessoas criticando a música FAZ UM MILAGRE EM MIM, de Regis Danese. Confesso que ainda não entendi bem o porque disto, mas entender gente é um processo complicado mesmo.
A música alcançou notoriedade entre a cristandade e suas rádios, como também, entre as rádios ditas seculares.
No youtube, nós também conseguimos ver inúmeras versões da música, belas versões, versões inusitadas e até muita coisa trash e engraçada. Mas realmente, é curioso ver esses fenômenos que ocorrem as vezes, principalmente quando não são planejados.
Gostamos dessa música, sem querer dizer com isso, que venhamos a concordar com tudo do artista, mas esse não é o ponto.
O ponto é que realmente é bastante interessante vermos que somos pessoas, simplesmente isso, pessoas que a qualquer momento podem ser tocadas e sensibilizadas com a mensagem positiva do evangelho.
É óbvio que isso não signifique mudança de vida. Emoção e lágrimas não são suficiente pra isso.

7 comentários:

clikamigoss disse...

Pede, determina e segue
Dia a dia, não esquece de alimentar
o que brilha em ti.
Resgata sempre que puderes, um pouco da paz que está em teu coração e com ela celebra e fortifica os teus passos,
as tuas direções.
Descansa no silêncio que pousa em teu ser sempre que teus olhos encontrarem as montanhas,
o nascer do sol...
Sempre que teus ouvidos comungarem com os ventos, com a chuva caindo no mar.
Aprende com a paciência do despertar que é pouco a pouco que tudo vai sendo definido,
que é momento a momento que tudo vai sendo relembrado,
reconstruído e desfrutado.
Não alimenta a pressa que tua mente tem de chegar,
e sim a tranqüilidade que teu coração necessita
para caminhar.
Aprende e aceita, verdadeiramente,
que o que desejas ser-te-á dado, sempre.
Talvez não agora e talvez não da maneira como sonhaste,
mas da maneira como Deus sabe que necessitas, da maneira como Deus sabe que,
assim, serás mais feliz.
Dia a dia, cuida de ti.
Não te castigues fortalecendo a dor, a raiva, a crença na escuridão...
Apenas observa tais estados e sente o que podes aprender com cada um deles,
quais mudanças poderás empreender, e depois deixa-os para trás.
Pede, determina e segue...
O caminho pode parecer longo,
mas àquele que se dedica, dia a dia,
na construção do seu próprio templo,
a este é dado conhecer a alegria de viver apenas o momento, o momento presente.

http://noticiasjornaistv.blogspot.com/

http://curiosidadesdoplantaterra.blogs.sapo.pt/ este é do meu Esposo

Vim fazer uma visitinha e trazer uma linda mensagem
Espero sua visita Idaci deixo esta mensagem com muito Amôr

Claudinha F. disse...

Vou usar duas frases da Bráulia no twitter, pra dizer oq penso da musica do Régis além de não suportar ouvir essa porcaria que só falta virar funk pancadão e me atormentar ainda mais com o refrão chiclete.

"Quando na música "Como Zaqueu" o autor diz que Zaqueu, sobe na árvore para chamar a atenção de Deus para si, canta à dúvida, não à fé."

Bráulia Ribeiro

"Duvido que Deus me ame, por isto pratico minha religião para agradá-lo e tentar fazer com que ele me ame mais. Isto não é Cristianismo."

Bráulia Ribeiro

Claudinha F. disse...

Fora esse look cantor de boy band q ele tá usando com esse cabelo ouriço, esse cara tem qtos anos, 12?

Antonio Mano disse...

hehehe
Clau.. rs.. bom.. vamos lá..
rsrs.. vc é demais!

Olha só... "o autor canta a dúvida e não a fé".. rsrs.. é mais que evidente, que o autor está realmente fazendo uma relação pessoal com o sentimento que ele imagina ser o de Zaqueu. (apenas imagina como todos nós). Zaqueu não era o mister popularidade, e muito menos, o mister Fé da época. Me parece portanto bem apropriada essa interpretação da Braulia, como me parece mais ainda, bem honesta a disposição do autor em se comparar com Zaqueu e não com o apostolo Paulo.

Também não acredito ser correto, a prática de qualquer religião para obter através disto, alguma espécie de favorecimento de Deus (seja por ações ou dinheiro, sacrifícios.. enfim.. barganha). Mas entendo, que quando o autor diz: "E chamar sua atenção para mim..".. ele está refletindo o desespero da alma humana em preencher o vazio de Deus... ouso dizer até.. que ele na verdade.. faz uma auto-análise.. que é compartilhada por boa parte do povo brasileiro, taí o motivo do sucesso da música: IDENTIFICAÇÃO.

Quanto ao look.. rs.. bom sem comentários.. gosto é gosto. E sim.. rs.. o cabelinho e a roupinha nem combinam com o voizerão que o Regis tem né... mas sabe.. talvez isso torne a letra da música mais autêntica ainda.

Nadja disse...

Eu não curto esse gênero musical, mas ouvindo o cantor Regis Danese no Hoje em Dia, até que gostei!

Na minha opinião de 'mundana'...rs, o seu look não estava indecente, ao contrário, era apropriado para o momento.


Se observamnos os maiores intérpretes da música gospel, notaremos que são modernos e estilosos sem cairem na vulgaridade e no mau gosto.

Bjksss a todos!

Antonio Mano disse...

Nadja...
Na verdade.. o que a Claudinha disse sobre a roupa.. nada tem a ver com indecência.. rs.. foi questão de gosto mesmo.
Obrigado pelo comentário!

Livia disse...

Pronto acho que é isso .. se não fosse o cabelo e o visual.. eu ia gostar mais de vê-lo e não só de ouvi-lo rsrs Bjs